Leia também:
Blogs com notícias similares:

Atualizado aproximadamente 1 hora atrás.

Por Petrede em Animais desde 25/02/2009

http://petrede.dihitt.com PetRede

Blog sobre animais de estimação, informações, notícias, curiosidades. relacionamento, pensamento, doação, adoção e muitos pet serviços. Para cachorro, gato, calopsita, roedor, bicho de pelúcia, inseto, cavalo, peixe, passarinho ou qualquer outro animal, um portal de raça e pedigree!

Ranking 115º

Atualizado 1 dia atrás.

Por Cachorrosblogs em Animais desde 10/01/2011

http://cachorrosblogs.dihitt.com CachorrosBlogs

E um espaço para compartilharmos posts, fotos, videos e demais temas ealacionados a este maravilhoso amigo e fiel companheiro.

Ranking 1641º

Atualizado aproximadamente 1 hora atrás.

Por Fabio em Pessoal desde 24/01/2013

http://chatosechatolin.dihitt.com Chatos e Chatolin

Um blog com conteúdo de vídeos,imagens, curiosidades e notícias.

Ranking 4918º
Sua opinião:
comentou em 07/05/2012 23:54
Verdade mesmo essa sensação que temos com os nossos cães.
Falam sim muitas linguagens também através dos olhos, dos gestos e das ações.
Mas faltam mesmo as palavras, em muitas ocasiões.
Abs
comentou em 08/05/2012 00:14
Cara, acho que o que nossos adoráveis bichinhos de estimação não podem dizer com a boca, eles dizem no olhar e nas atitudes. Eu já tive um cãozinho, ou melhor cãozão, era uma pastor Alemão, infelizmente ele morreu, mas eu podia quase que ler sua mente só de olhar pra ele. O jeito deles nos olhar diz muito.

abraços
comentou em 08/05/2012 17:53
A sensação que tenho é que eles são tão mais evoluídos que já aprenderam a se comunicar por telepatia e/ou através do olhar... mas nós pobres mortais ainda não temos alcance para entender esta linguagem....
Mas como você diz... um dia quem sabe!
Beijo no coração
comentou em 08/05/2012 19:48
Oi Rike,

faço parte deste rol de doidos, que sabem que os cães nos dizem algo eles só não tem uma forma de expressão tão clara feito a nossa, aqui em casa tinha um pequenininho, mínimo, mas era impressionante o que ele "dizia" e compreendia do que dizíamos a ele, só quem vive esta experiência sabe do que estamos falando. Não é loucura é comunicação de sentidos.

Beijos