Warren digne doing a Topside Soul Trick at the NL Contest 2006.

Agressive é o termo dado á pratica de patinagem com uma determinada linha de patins, praticado principalmente em locais inclinados, corrimões ( conhecidos como grinds), tudo isto com foco em novos truques baseados no estilo pessoal de cada um. Os participantes chama isto de "rollerblading", "Blading", "skating" ou "rolling". Composto pelas vertentes de "Vert" (praticado em half pipe) e "park" praticado em areas urbanas, desde parques, estradas, locais de construção.

Historia da Modalidade Agressive

Em 1980 um grupo de jogadores de hóquei no gelo em Minnesota estava a procurar uma maneira de praticar durante o Verão, Scott Brennan Olson formou a companhia Rollerblade, Inc., para vender patins com quatro rodas de poliuretano dispostos em uma linha reta na parte inferior de uma bota acolchoada. Em 1988, Rollerblade introduziu os primeiros patins inline aggressive, o TRS relâmpago Rollerblade. Desenvolvido como um desporto organizado no início de 1990. A Aggressive Skaters A Association (ASA) foi formada por um número de patinadores agressivos em 1994 como um fórum para desenvolver regras que regem as competições e equipamentos. O desporto foi incluído no primeiro X-Games em 1995 e incluiu rampa vertical e competições de eventos de rua. Atingiu seu auge de popularidade no final dos anos 90, com filmes mainstream como Brink Disney! e outros filmes. Agressiva de patins em linha foi removida do ESPN X-Games em 2005, embora ainda seja incluído no Asian X Games, Ação LG Sports Competições, Fise Montpellier, e muitas outras competições de grande porte. Grande parte da progressão agressiva de patins em linha tem sido documentada através de vídeos Skate inline, tais como T-Bone Film, The Hoax série e Videogroove (ambos extinto). A partir de 2011, vídeos de skate têm em grande parte, são distribuídos na Internet através do YouTube e Vimeo em vez de VHS ou DVDs vendidos através de lojas de skate.

Chris Edwards

"Numa época em que os jovens praticavam skate e bike, meti-me a andar de Patins Inline", disse Chris Edwards, que pratica a modalidade desde 1989, quando passou a pular rampas, plataformas, escadas e passou a executar manobras (ditas insanas pelos praticantes deste desporto) como frontsides em canos.

A empresa RollerBlade vendo o potencial deste atleta amador contratou-o por julgá-lo o aggressive inliner mais agressivo da época, tornando-o a partir de então conhecido no mundo inteiro. No ano de 1990 Chris ajudou a RollerBlade a criar outros modelos de patins como o Tarmac-CE, uns dos modelos que tiveram grande aceitação pelos praticantes do desporto.

X-Games

Em 1995 os X-Games, hoje um evento mundialmente conhecido, eram considerados underground, sem muito apoio, sendo conhecidos apenas no meio dos desportos envolvidos. Entretanto em 1995 eles adicionaram a modalidade Aggressive Inline no evento, e o sucesso foi estrondoso. Naquele ano tivemos a modalidade "Park", com rampas coloridas e corrimões retos e de descidas, onde os atletas mostraram o poder do Aggressive Inline combinado com sua radicalidade. Nesta época, foram presenciadas manobras de grinds como o Soul, Miszow, Back-Slide, Alley-oop, Back-slide, Front-Side que na época eram chamados de "Rock-Slide", Fast-Slide e Alley-Oop, Miszow, As manobras aereas eram o forte da época, Mute-Grab era um dos mais executados assim como os Back-Flips (mortais para trás) e Front-Flip (mortais para a frente), além das piruetas, na modalidade "Park" vários atletas ja executavam manobras de 720º na perfeição, e as manobras na modalidade Vert (half pipe) alcançavam uma altitude maior que a atingida por todos os outros desportos praticados no Half Pipe.

Depois da gravação dos X-Games, todas as manobras foram patenteadas, o que faz com que a modalidade, ainda nova na altura, seja catapultada para os Cinemas. A partir daí começou a discussão e o espanto sobre a velocidade com que um desporto novo se propagou de uma forma tão rápida, tão Agressiva. A "National Sporting Goods Association Statistics", realizou uma pesquisa e constatou que 24 milhões de americanos praticavam Aggressive In-line (Rollerblading), 4.5 milhões de americanos praticavam Skateboard e 3.8 milhões de pessoas praticavam Snowboard.

Toda essa fama vem gerar inveja de parte dos praticantes de Skateboard, que viam o seu desporto ser posto de parte, a cada dia que passava. Os Skateboarders da altura souberam como aproveitar a TV (um óptimo meio para difundir opiniões) para criar várias campanhas "Anti-Rollerblading", difamando assim a modalidade numa tentativa de sobrevivência no mercado. Todas essas políticas aplicadas pelos Skaters para acabar com a modalidade Agressive, acabou por gerar um mau estar entre os praticantes de ambas as modalidades, criando uma espécie de guerra privada, que ainda hoje se sente. Embora os mais jovens praticantes não saibam o que se passou vários anos atrás, acabaram por se agarrar a essa revolta. O factor mais decepcionante foi que aos poucos o Skateboard cresceu com essas propagandas e assim o Aggressive Inline foi diminuindo. Ainda sim os Atletas do Aggressive Inline lutaram com bravura aperfeiçoando manobras, criando novos estilos de manobras, nunca deixando a modalidade cair em esquecimento. Entre 1999 e 2000 o francês "Taig Chris" Inovou o Back-Flip e criou o Double Back-Flip, ou seja, dois mortais para trás num salto só em Half-Pipe. O 720º deixou de ser o limite e surge o 900º, Australiano "Shane Youst" fez o primeiro 1260º (3 giros e meio na base). O que novamente provou que o Aggressive Inline é um desporto no qual o único limite é o do utilizador. As manobras não têm limites de evolução, os Patins estão cada vez mais evoluídos e práticos, mais leves, mais resistentes, mais eficazes nas manobras, cada vez mais existem locais para praticar e aprender... A MODALIDADE AGRESSIVE VEIO PARA FICAR.

Descrição dos Componentes de um Patim

Os Patins do tipo Agressive são especialmente desenhados para serem mais resistentes e mais fortes que os patins Inline normais, devido aos elevados niveis de stress aplicados no patim para executar as manobras. Um Patim tipico é composto por :

Componente Definição
Cuff um soporte para o tornozelo em velcro
Shell uma bota feita de plastico de alto impacto que protege o pé
Liner uma bota mais suave interior
Soul plate a flat, hard plastic plate on the sole of the boot
Negative Soul plate uma placa de plastico rigido na sola da bota
Frame um chassi de plástico rigido para as rodas
Backslide plate um chassi de plastico duro usado na area de grind, nivelado com a Negative Soul Plate, perto do meio da Bota, usado para manobras de Grind
Wheels 2-4 rodas de poliuretano com rolamentos
Anti-rocker wheels geralmente duas rodas de poliuretano de alta densidade com alta dureza, substituindo o interior duas rodas

Geralmente todas as partes podem ser subestituidas, e certos fabricantes fazem partes que foram divididas em certas secções individuais, assim um Skater pode subestituir certas partes especificas quando estragadas.

Skater's Profissionais Masculinos

Roman Abrate, Brian Aragon, Walt Austin, Julian Bah, Don Bambrick, Micheal Braud, Alex Broskow, Abdiel Colberg, Chris Edwards, Arlo Eisenberg, Chris Farmer, Demetrios George, Robert Guerrero, Will Gordon, Chris Haffey, Brent Hicks, Stefan Horngacher, Jeph Howard, Mike "Murda" Johnson, Rachard Johnson, Jacob Juul, Ramelle Knight, Montre Livingston, Franky Morales, Connor O'Brien, Billy O'Neill, Dre Powell, JC Rowe, Erik "Ski" Perkett, Chaz Sands, Brian Shima, Eric Shrihjn, Matthias Silhan, David Sizemore, Dominik Wagner,CJ Wellsmore,Demien Wilson, Sam Williams, Mark Wodja, Mark Wood, Franky "Chi" Zhang

Skater's Profissionais Femeninos

Uma vez considerado um desporto principalmente para os homens, Fabiola da Silva, preparou o palco para os patinadores do sexo feminino poderem exibir o seu talento em competições de todo o mundo. Em 2000, a Associação Aggressive Skaters criou o "Fabiola Rule" que permitiu que ás mulheres competir em competições "Vert" que anteriormente tinha sido limitada a skaters do sexo masculino. Desde então, notáveis ??mulheres patinadores agressivos ao redor do mundo incluem:

Katie Brown, Jenna Dowling, Aarin Gates, Fallon Heffernan, Katie Kethum, Jenny Lougue, Kelly Matthews, CoCo Sanchez, Jodie Tyler, Chynna Weirstall

Alguns Filmes

Game Theory - 2010

Jack Be Nimble - 2008

Barely Dead - 2005

Sua opinião: